Reflexão Diária

Prudência

Por Vanderley Borges

Conduzir-se com prudência não é tarefa fácil, especialmente quando está vivendo sob pressão. Porém, Davi conseguiu, durante o período em que serviu a Saul. No capítulo 18 do I Samuel, é narrado quatro episódios em que, com sabedoria, o futuro Rei de Israel teve êxito em suas ações, superando os seus companheiros e o seu nome tornou "muito estimado." (Versículo 30).

A expressão "muito estimado" ressalta o respeito que Davi tinha por parte do povo ao qual servia. E o mais interessante, é que Ele possuía respeito por aqueles que faziam parte da corte de Saul. A razão para tal sucesso, é que eles ficaram impressionados com o caráter nobre de Davi.

Quando pessoas salvas por Jesus Cristo, obedecem à Sua Palavra e aos Seus ensinos, estes passam a mostrar mudanças na sua forma de agir no lar, no trabalho e na roda de amigos. Tais mudanças deve distingui-lo de outros, pois a verdadeira sabedoria consiste em viver como Cristo viveu. Ter caráter nobre, é algo raro nos dias atuais e por este motivo, aqueles que o possui se destacam dos demais.

Se não temos sabedoria, devemos pedir a Deus, o qual nos dará. A descrição, por Tiago, das qualidades que a sabedoria produzirá na vida de uma pessoa, nos leva a pensar que só a conseguiremos se ela vier do próprio Deus e não de fontes humanas. Hoje podemos ter experiências semelhantes as de Davi. Deus quer nos instruir e o faz através da Bíblia Sagrada. Ele quer nos ensinar como portar no dia a dia e nos mostrar o caminho que devemos seguir.

Nosso comportamento revela o nosso caráter!

— Veja na Bíblia —

E saía Davi aonde quer que Saul o enviasse e conduzia-se com prudência, e Saul o pôs sobre os homens de guerra; e era aceito aos olhos de todo o povo, e até aos olhos dos servos de Saul... E, saindo os príncipes dos filisteus à campanha, sucedia que Davi se conduzia com mais êxito do que todos os servos de Saul; portanto o seu nome era muito estimado.

—1 Samuel 18:5 e 30

Mas a sabedoria que do alto vem é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, tratável, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, e sem hipocrisia. Ora, o fruto da justiça semeia-se na paz, para os que exercitam a paz.

—Tiago 3:17-18

E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada.

—Tiago 1:5

Instruir-te-ei, e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos.

—Salmos 32:8

— Compartilhe —

Whatsapp Facebook Twitter
Mais reflexões